menu
Topo
Luciana Bugni

Luciana Bugni

Mulheres e depilação: Rihanna mostra que esses valores, juntos, já eram

Luciana Bugni

04/05/2018 04h00

Vincent Elbaz, em cena de Não Sou Um Homem Fácil – vai encarar? (foto: Divulgação Netflix)

Um homem encontra uma mulher num bar. Ele se sente atraído e eles entram na casa dele se beijando torridamente. Ela o encosta na parede, abre a camisa dele e… tcharam. Fica enojada com o fato do cara ter pelos no peito. "Você não se depila?", ela pergunta incrédula. Ele responde que não, lógico que não. Ela pede desculpas, pega as suas coisas e vai embora, pois não consegue segurar o tesão ao ver um homem sem fazer depilação.

A cena é do filme francês "Não sou um homem fácil", que está disponível na Netflix. O roteiro conta a história de um homem conquistador, que acorda em um mundo dominado por mulheres. Ele vive as situações que as mulheres vivem todos os dias mas, como é homem, a história fica esquisita. Por que ele teria que se depilar para provocar desejo numa mulher? E por que é natural que as mulheres passem por tantos procedimentos estéticos para serem sexualmente aceitáveis?

Se você é mulher, já deve ter vivido a situação de estar fazendo um calor danado, ter uma saia perfeita para aquele dia e um problemão na frente do espelho: você não se depilou. Aí, corre raspar as pernas ou escolhe uma calça? Pois há uma terceira opção que tem muita gente escolhendo: sair com as pernas com pelinhos aparecendo mesmo.

A ideia assusta algumas mulheres (e os homens, que não são obrigados a se depilar) – afinal, crescemos com o universo nos dizendo que mulher tem que ser arrumada, depilada, enfeitada, perfumada etc. Mas se ela se sente bem saindo assim na rua, por que não? Quem vai dizer que isso é errado? A cantora Rihanna fez um post essa semana, com a seguinte legenda: "Não vejo a hora do verão chegar". A foto era dela, usando biquíni, com os pelinhos da perna aparecendo. A reação foi imediata: "Se Rihanna pode, toda mulher pode". É?

Essa semana, Luiza Sonza, a namorada de Whinderson Nunes, foi duramente criticada ao postar uma foto de biquíni. A opinião dos internautas era de que seu peito era caído. O mesmo aconteceu no carnaval com Bruna Marquezine. Os seios, não tão grandes e naturais, deixaram o público decepcionado. Algumas amigas escolheram não usar mais sutiã há algum tempo e nem perdem tempo com quem quer discutir esse assunto. Mas se elas estão à vontade com isso, de verdade, por que alguém tem que dar palpite? É feio para quem?

Isso tudo me lembrou uma discussão na época em que Nanda Costa posou para a Playboy e os homens reclamaram que ela não estava suficientemente depilada. Um amigo disse, meio surpreso: "Esse povo que está dizendo que Nanda é peluda nunca namorou na vida, não?" Pois é.

 

Sobre a autora

Luciana Bugni é jornalista e escritora. Vive entre quatro rapazes, muitas bolas de futebol e uma gata, descomplicando a vida e parindo ideias. Edita conversas antigas (é cada resposta que a gente poderia ter dado...), cardápios e reportagens na Universa, aqui no UOL. Já trabalhou na “Revista AnaMaria”, no “Diário do Grande ABC”, no “Agora São Paulo” e na “Contigo!” e se especializou em jornalismo feminino popular. Acredita no amor, que mostarda melhora tudo e que as madrastas são uma classe injustiçada pela literatura infantil.

Sobre o Blog

Um olhar esperançoso sobre a geração que está com 30 e poucos anos, recorrendo aos apps de paquera na marra ou tentando salvar o segundo casamento com todas as forças. E enquanto isso, trabalha, cria pessoinhas e faz de tudo para se divertir (desde que o samba é samba é assim).